Cirurgias
dos Dentes Sisos

Cirurgias dos Dentes Sisos

Os terceiros molares, popularmente conhecidos como dentes do siso, são os últimos dentes das arcadas dentárias a se desenvolver e tendem a aparecer na boca ao final da adolescência. Geralmente, os pacientes apresentam quatro sisos, dois superiores e dois inferiores. Em alguns casos, por questões genéticas, algumas pessoas apresentam menos sisos ou, até mesmo, nenhum. Como estes dentes são os últimos a nascer, muitas vezes não restam espaços para sua irrupção e, desta forma, permanecem retidos no interior dos maxilares. Isto traz uma série de riscos e, por este motivo, a remoção profilática dos sisos tem sido amplamente recomendada.

Quantos dentes do siso existem?

Existem quatro dentes do siso: dois superiores, sendo um direito e um esquerdo, e dois inferiores, também direito e esquerdo.

Em que idade eles normalmente erupcionam?

A erupção ocorre normalmente dos 17 aos 20 anos; portanto, são os últimos dentes da dentição a erupcionar.

Todo mundo tem o dente do siso?

Não.

Por que às vezes eles não erupcionam?

Porque algumas pessoas não possuem mesmo o dente do siso (germe dental); às vezes, não erupcíonam por falta de espaço na arcada dental, ou ainda, pela posição horizontal do dente, o que dificulta a sua irrupção.

O que pode acontecer caso os sisos permaneçam retidos?

Os dentes que permanecem retidos possuem alto potencial de produzir problemas periodontais e reabsorções das raízes dos dentes vizinhos, cáries ocultas, infecções bastante dolorosas e com alto potencial de disseminação e, por fim, lesões císticas e tumorais.

0 que acontece se ele erupcionar parcialmente?

A erupção parcial ocorre geralmente por falta de espaço na arcada ou pela posição horizontal do dente. Ambos os casos dificultam a erupção, ocorrendo, dessa forma, a erupção parcial do siso. Esse quadro pode provocar gengivites (inflamação da gengiva), abscessos na região, irritação local, dor e edema.

É verdade que o dente do siso empurra os outros dentes, provocando mudanças de posição?
Há duas correntes: a primeira diz que, se houver espaço suficiente para a erupção do siso e o paciente não tiver tendência a apinhamento (mudança de posição), não haverá roblemas; já a segunda diz que, se o espaço for insuficiente e o paciente, submetido à ortodontia e com tendência a apinhamentos, ou mesmo, só submetido à ortodontia, mas com a mesma tendência, poderá ter problemas futuros, como o apinhamento de dentes.

Quando é indicada a extração do siso?

A sua extração está indicada na ausência de espaço para a erupção, no posicionamento horizontal do siso, nos quadros de dor e quando se inicia a erupção e esta não se completa, ou seja, há erupção parcial do siso. Quando se faz a extração de um siso, provavelmente terá que ser feita a extração de ambos os sisos do mesmo lado, isto é, do superior e do inferior.

Dr. Thiago Guimarães

Especialista em Cirurgia e Traumatologia Buco Maxilo Facial pela Universidade Federal de Uberlândia, Hospital das Clínicas e Faculdade de Odontologia – UFU.

Conheça o perfil

URGÊNCIA OU EMERGÊNCIA

62 8518-1575

Whatsapp ou torpedo (chamadas bloqueadas)

Com a máxima preocupação em oferecer o que há de melhor, o Dr. Thiago Guimarães faz parte do corpo clínico de um dos melhores hospitais de Goiânia.